Equipe espanhola desenvolve alternativa ao iogurte feita com leite vegetal

iogurte vegetalUm novo produto fermentado com bactérias probióticas de grãos e nozes – conhecido normalmente como “leite vegetal” – mostrou ser uma alternativa eficaz aos iogurtes convencionais.

O produto foi inicialmente concebido para ser usado por pessoas com alergia a leite de vaca, intolerância à lactose ou glúten, bem como crianças e mulheres grávidas.

Os resultados, contudo, mostraram-se melhores do que o esperado.

Os estudos de laboratório mostraram que os “iogurtes vegetais” têm propriedades anti-inflamatórias em células do intestino, o que poderia aliviar reações alérgicas provocadas pela ingestão de alimentos e aumentar a biodisponibilidade de ferro.

As caseínas, presentes no leite de vaca, figuram na lista de componentes alérgenos que dificultam a absorção do ferro.

A equipe espanhola responsável pelo desenvolvimento do produto já trabalhou com amêndoas, avelãs e aveia, e agora pretende avaliar o uso de nozes e castanhas como matéria-prima para compor as alternativas ao iogurte tradicional.

“Os resultados que obtivemos mostram também que os ‘leites vegetais’ que estudamos são uma boa matriz para o crescimento e viabilidade de bactérias probióticas por toda a vida útil do produto, especialmente depois de sua ingestão,” disse Chelo González, da Universidade Politécnica de Valência.

Além disso, a pesquisa oferece novas dicas para melhorar os leites à base de planta, ou leites vegetais, disponíveis no mercado hoje, que têm deficiências relacionadas à baixa estabilidade física durante o armazenamento.

Leites vegetais

O “leite” feito de nozes e grãos representa uma alternativa ao leite animal e ao leite de soja.

Esses leites à base de plantas também têm componentes de grande valor nutricional, que podem proporcionar inúmeros benefícios para a saúde. São caracterizados por um perfil saudável de ácidos graxos e carboidratos com baixo índice glicêmico (adequado para diabéticos).

Além disso, eles constituem uma importante fonte de vitaminas B e E, compostos antioxidantes (fitoesteróis e/ou polifenóis) e fibras alimentares, o que ajuda a melhorar a saúde intestinal.

Os leites vegetais também são ricos em potássio e apresentam teor muito baixo de sódio.

Fonte: Diário da Saúde

 

Veggi e Tal - Receitas veganas, Veganismo e Direitos Animais
© 2012 - 2016