Na China, vídeo viral de carne pulsante faz pessoas virarem vegetarianas

O vídeo de um pedaço de carne de uma animal recém-abatido, ainda pulsando, se tornou viral nas redes sociais chinesas e repercutiu no mundo todo.

De acordo com matéria do site People.com, uma mulher se preparava para cozinhar um pedaço de carne quando ficou chocada ao vê-la pulsando no ritmo de batidas do coração.

Ela imediatamente filmou o pedaço de carne e enviou para uma estação de televisão local.

Cheng Tan disse que comprou a carne de um açougueiro perto de sua casa na província de Shandong, leste da China.

Cheng disse que colocou o corte de carne em um prato e ficou horrorizada ao ver que ela ainda pulsava.

“Eu estava preocupada que poderia ter parasitas ou algum tipo de substância química nociva dentro, que estava causando a contração “, disse ela.

“Nunca vi nada como isso, então fiquei com medo de comer e decidi gravar o vídeo.”

O Vídeo de Cheng logo se tornou viral em toda a China, causando pânico entre alguns espectadores, que o classificaram como ‘o bife zumbi’.

No entanto, após a mídia local consultar vários especialistas em segurança alimentar, os espasmos no pedaço de carne finalmente ganharam uma explicação.

Lv Suwen, especialista em produtos de origem animal do instituto local de inspeção de saúde, disse: “A carne é simplesmente muito, muito fresca.”

“Pelo fato de o abate ser muito recente, a contração muscular foi causada por terminações nervosas em torno dos músculos do corte de carne que ainda não morreram. Geralmente pára após um curto período de tempo. ”

Muita gente por lá ficou impressionada com as imagens da carne pulsante – parecendo finalmente ter se dado conta de aquilo é o pedaço de um ser que estava vivo. No Weibo, a versão chinesa do Twitter, o vídeo teve mais de 12 milhões de visualizações em apenas 24 horas.

“Estou virando vegetariano após isto”, escreveu um usuário.

Veggi e Tal - Receitas veganas, Veganismo e Direitos Animais
© 2012 - 2016