A ONU não é ativista animalista

Dr. phil. Sônia T. Felipe

agua-onuA ONU é apenas realista. Ela declara que não há futuro para a vida no planeta terra sem água e sem florestas, sem rios e lagoas, sem lagos e cascatas.
Dois terços dos organismos animados e dos ecossistemas e seus outros organismos são água.
Desidratação é morte, secura, desmonte, separação. A água é a liga da vida.
Somos apenas sete bilhões de humanos. Ao corpo humano bastam dois litros de água por dia para hidratação. Mas, presunçosamente, sustentamos 70 bilhões (dez vezes a população humana total) e matamos por ano pelo menos 56 bilhões de animais para fazer bifes, churrascos, linguiças, presunto e todas as variações da carne processada. Eram, são e continuarão a ser animais sencientes, como nós. Sentiram o mesmo pavor que certamente sentem os reféns e prisioneiros condenados à morte por regimes totalitários.
Comemos as carnes desses animais abatidos em estado de terror. Comemos sua adrenalina e toda a toxina residual que fica em suas matérias por conta da consciência da execução.
Para poder matar esses bilhões de animais com um peso ou massa muscular lucrativo, é preciso manter seus corpos vivos até a hora do abate. E isso custa toda a água do planeta. Alguns animais, os mortos aos bilhões, aves, por exemplo, são mantidas na prisão dos galpões por no máximo 40 dias, quando novo lote chega para a “engorda” e as aves prontas seguem para o caminhão que as levará á esteira da morte. É. A execução delas é em ritmo industrial, como se fossem copos de plástico. Não são. Têm cérebro, todos os sentidos, sistema nervoso central organizado, consciência e sensibilidade. Sabem tudo o que fazemos a eles, esses animais matados para virar comida humana.
Não há saída para a vida, a não ser a adoção da dieta vegana integral. Para sete bilhões é possível cultivar alimentos não envenenados e usar alguma água para irrigar esse cultivo. Para 70 bilhões a cota já está esgotada. Estamos seguindo a dieta mais insana já instituída ao redor do planeta.
Eu desassinei esse contrato há mais de 15 anos. E estou muito saudável e ativa, graças à dieta vegana integral não processada, não refinada. Aliás, exatamente o que os médicos do Comitê dos médicos por uma medicina responsável (PCRM nos EUA) adotam para seus pacientes, para curar tudo que é doença ou mazela que lotam os hospitais.

Veggi e Tal - Receitas veganas, Veganismo e Direitos Animais
© 2012 - 2016