Produtos feitos de “pele falsa” nos EUA são de pele verdadeira

analise-peloUma reportagem investigativa nos EUA descobriu que algumas roupas de grandes varejistas do país, comercializadas como peles artificiais, eram confeccionadas com pele verdadeira de animais, incluindo coelho, coiote e cão-guaxinim (uma espécie de cão selvagem).

A equipe selecionou alguns intens vendidos como sendo de pele falsa (jaquetas, botas e um suéter) de algumas grifes conhecidas, artigos que, suspeitava-se, continham pele real em vez de pele falsa. Os itens foram enviados para um laboratório especializado em microscopia e microanálise. Uma equipe de cientistas testou amostras de pêlos em cada item com poderosos microscópios.

Os 5 itens analisados continham pele verdadeira de animal.

Um dos motivos apontados para a venda enganosa é que algumas peles falsas de boa qualidade podem ser mais caras do que pele animal de baixa qualidade.

Aqui estão algumas dicas de como identificar se o material usado é real ou sintético sem a ajuda de um microscópio:

– Não tente descobrir pelo toque ou pela cor.A pele falsa produzida atualmente é mais suave do que algumas peles reais. E ambas podem ser tingidas de qualquer cor.

– Olhe para as pontas dos fios. Se as pontas afinarem, como o bigode de um gato ou uma agulha de costura, é pele animal. Se não, provavelmente é pele falsa (embora não obrigatoriamente).

– Se você (com cuidado) retirar um pequena amostra de pelos e queimá-los e o cheiro for como o de cabelo humano queimado, é pele verdadeira. Imitação de pele terá um cheiro químico distinto quando queimada.

Com informações da  wfla.com.

Veggi e Tal - Receitas veganas, Veganismo e Direitos Animais
© 2012 - 2016