Contra a crueldade animal, grupo australiano posa com animais mortos

Australia – Cerca de cem ativistas da Animal Liberation Victoria (ALV) protestaram reunidos na praça da cidade hoje(10/10), cada um segurando o corpo de um animal que foi vítima de exploração, violência ou negligência nas mãos dos seres humanos. Este protesto poderoso chama a atenção para o sofrimento escondido de animais na Austrália e ao redor do mundo. Ovelhas, porcos, cangurus, galinhas, peixes e patos são alguns dos animais que estavam neste protesto. A equipe de resgate da ALV encontrou muitos deles mortos ou morrendo dentro de fábricas de pecuária industrial, ou atropelados e deixados para morrer. Este protesto serviu como um memorial solene para honrar as vidas de cerca de 100 animais.

O memorial chama a atenção para o sofrimento dos animais que vivem e morrem em condições miseráveis. A exibição triste e impactante está provocando o debate contra a violência e derramamento de sangue tão esmagadora. Exposições similares de respeito para os milhares de milhões de vítimas animais tiveram lugar na Espanha, Chile, França, Alemanha, Peru e agora na Austrália.  “Estamos aqui hoje para chamar a atenção para o fato de que os seres humanos são atualmente responsáveis pelo massacre de 64 bilhões de animais terrestres em todo o mundo a cada ano, e entre um e três trilhões de animais marinhos. Como nós, esses animais têm um interesse na vida e em não sofrer, e não podemos ignorar os seus interesses, simplesmente porque eles não pertencem a nossa espécie “, disse sobre a campanha o coordenador Noah Hannibal.

clique nas imagens para ampliá-las:

 

 

Animal Liberation Victoria

Veggi e Tal - Receitas veganas, Veganismo e Direitos Animais
© 2012 - 2016